Palhaços e muita alegria


          

 Pequeno Poema para um Palhaço


Que doutor é esse 
De olhar narigudo 
Nariz batatudo 
Que dança no salão? 
Receita é de bolo 
Analise é de choro 
E consulta de opinião 
Nos bolsos de sua bata 
Brinquedos não faltam 
Apitos e bolinhas de sabão 
As suas roupas, meio estranhas 
Provocam gargalhadas 
Mas ele não se acanha com isso, não! 
Muito pelo contrario 
Os risinhos são o seu prato 
De predilecção 
E quando ele escapa 
Por portas ou janelas 
Ecoam as suas canções 
Piririm Pororom

De Alejandra Herzberg - Dr.a Zuzu

2 comentários:

VRPC Artesanato II disse...

Que fofurinhas!!!
Alegres e coloridos!

Regi Art's disse...

Que bom gosto...ficaram lindíssimos!!!